banner_fce
a margem das voltas_capa

Uma embarcação se aproxima.
Nela, e com ela, histórias que devem ser contadas.

Como ao tirar objetos de um antigo baú, tira-se (e levanta-se) a poeira de antigas  dores, velhos dramas e traumas passados.

Nau Frágil explora (ou navega?) tudo que molda o que somos.
E somos todos um pouco de tudo.
Um pouco crianças. Um pouco jovens. Um tanto adultos. Um pouco suicídas.
Um pouco doídos. Um tanto doidos.
Um pouco cheios de histórias a contar. Um pouco dispostos a ouvir.
Um pouco precisados de uma pausa.

Pode ser apresentada em espaços alternativos. 

 

"A Margem das Voltas” conta a história de Estrela, uma menina sensível e curiosa, que via o mundo da sua janela, até que um dia conhece Seu Nelson, um senhor que morava na janela ao lado. Ele, que nunca mais teve o abraço depois que Amélia se foi, aguça na menina a vontade de sair pelo mundo para procurá-lo e trazê-lo de volta ao seu Nelson. Toda a história é narrada e costurada com danças e cantos populares. 

Apresentada em espaços alternativos. 

Nau Frágil

A   Margem das Voltas